Nos Deixou

Brasileiro, mulher e filho morrem atropelados em ponto de ônibus em São Francisco, nos EUA

Família do brasileiro estava indo a um zoológico quando foram atropelados por um Mercedes

O brasileiro Diego Cardoso de Oliveira, de 40 anos, sua mulher, a portuguesa Matilde Ramos Pinto, 38, e o filho Joaquin, de 1 ano, morreram atropelados em um ponto de ônibus da cidade de São Francisco, nos Estados Unidos, na tarde do último sábado (16/03). Um outro filho do casal, um bebê de dois meses, está em estado grave no hospital.

Diego era diretor de criação associado da Apple e Matilde era produtora executiva de comerciais de RSA Films. O brasileiro possui uma carreira de sucesso em agências de publicidade, como AMV BBDO, Mother e BBH, em Londres (ING), além de AlmapBBDO, Africa e AgênciaClick, no Brasil.

Segundo relatos de amigos à polícia, publicados por O Globo, a família do brasileiro estava no ponto de ônibus para ir ao zoológico, como parte da comemoração do aniversário de quatro anos de casamento. Diego e o filho morreram no local. Matilde chegou a ser levada ao hospital, mas não resistiu. Apenas o filho mais novo sobreviveu. Outras pessoas também ficaram feridas, com menos gravidade. Todos os três eram residentes de São Francisco.

Identificada mulher que atropelou brasileiro

A condutora do veículo, um Mercedes SUV branco, foi detida no último domingo (17/03) sob acusações de homicídio culposo com veículo, direção imprudente com lesão corporal grave e violações de trânsito adicionais que incluem dirigir em velocidade insegura. Ela foi identificada pelo Departamento de Polícia de San Francisco como Mary Fong Lau, de 78 anos.

Segundo as autoridades, Fong Lau estava dirigindo na rua Ulloa quando perdeu o controle e colidiu com o ponto de ônibus da Muni de São Francisco na esquina da Ulloa com a Lennox Way. Ainda segundo com relatos de testemunhas, o carro chegou a bater no muro de uma biblioteca antes de atingir o ponto.

“Este incidente foi uma tragédia devastadora. O Departamento de Polícia de San Francisco expressa suas mais profundas condolências às vítimas, suas famílias e entes queridos, e a todos no local que testemunharam e ajudaram os socorristas”, disse o órgão em um comunicado à imprensa.

Clique no link e leia mais sobre o caso.

Acompanhe mais informações na seção Nos Deixou do Infoflashbr.

 

Mostrar mais

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo